Novidade e Inovação! A Micro Metal oferece mais uma opção aos seus clientes. Trazendo Inovação no Brasil para a Fabricação de Peças em Ligas Não Ferrosas (Aluminio, Bronze, Cobre e Outros) Através do Processo de Microfusão, Solicite Seu Orçamento!

ISO 9001

A norma ISO 9001 é a principal ferramenta internacional disponível para as organizações melhorarem continuamente a satisfação de seus clientes, constituindo-se no padrão internacional de gestão aplicável a todos os setores econômicos e a todos os tipos e tamanhos de organizações. Certificada desde 2005 pela empresa BRTÜV, possuímos a certificação NBR ISO 9001.

Download Empresa Escopo Empresarial
Micro Metal Indústria e Comércio Ltda. Desenvolvimento, fabricação e comercialização de peças microfundidas, usinadas, conexões e válvulas.

A série ISO 9001 é um conjunto de normas que formam um modelo de gestão da qualidade para que as organizações possam, se desejarem, certificar seus sistemas de gestão através de organismos de certificação. Fora elaborada através de um consenso internacional sobre as práticas que uma empresa pode tomar a fim de atender plenamente os requisitos de qualidade do cliente.

A ISO 9001 não fixa metas a serem atingidas pelas empresas a serem certificadas, a própria empresa é quem estabelece as metas a serem atingidas. A sigla ISO denomina a International Organization for Standardization, ou seja, Organização Internacional de Normalização. Ela é uma organização não governamental que está presente em de 120 países. Esta organização foi fundada em 1947 em Genebra, e sua função é promover a normatização de produtos e serviços, utilizando determinadas normas, para que a qualidade dos produtos seja sempre melhorada.

No Brasil, o órgão regulamentador da ISO chama-se ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). A ISO 9001 é um modelo de padronização.

Requisitos da ISO 9001

ISO 9001 BRTUV
  1. Padronização de todos os processos chaves do negócio, processos que afetam o produto e consequentemente o cliente;
  2. Monitoramento e medição dos processos de fabricação para assegurar a qualidade do produto/serviço, através de indicadores de performance e desvios;
  3. Implementar e manter os registros adequados e necessários para garantir a rastreabilidade do processo;
  4. Inspeção de qualidade e meios apropriados de ações corretivas quando necessário;
  5. Revisão sistemática dos processos e do sistema da qualidade para garantir sua eficácia.